2º Capítulo de Entronização – 12 / 05 / 2013

II Capitulo de Entronização, realizou-se em Góis, que se encheu de cor e alegria e confrarias do norte ao sul, assim como da Madeira e dos Açores, para receber o II Capitulo de entronização da Confraria Gastronómica dos Enchidos no passado dia 11 de Maio.

Realizou-se o cortejo das varias confrarias pelas ruas do concelho de Góis, onde foram recebidos pelo grupo de concertinas da escola de Góis e pelos autarcas locais, daí foram inaugurar a I Feira de Enchidos de onde foram para o ponto alto destas cerimonias, as entronizações de novos confrades, onde foram entronizados 20 novos confrades efectivos e 5 confrades honorários de onde destacamos, a Sr.ª Presidente da Câmara Municipal de Góis M. de Lurdes Castanheira, o escritor José Rodrigues e Almerinda de Almeida produtora local de enchidos e presidente do Rancho Folclórico “As Sachadeiras da Várzea”.

Foi o Cabido-mor Carlos Malvas que abriu a cerimónia, passando a mesma para o Grão-mestre da Confraria Henrique T. Mourato, que convidou a prioresa da Confraria da Marmelada, Ana Monteiro, bem como a Madalena Carrido da Confraria da Chanfana, por serem as madrinhas da confraria dos enchidos, a irem para o altar dos juramentos. Foram ainda convidadas para o altar de juramentos, a Presidente da Federação Portuguesa de Confrarias Gastronómicas, Olga Cavaleiro e a Presidente da Câmara de Góis, Lurdes Castanheira.

Depois das entronizações e discursos da praxe, foi organizado o cortejo de saída que voltou a passear pelas ruas de Góis e em frente dos Bombeiros Voluntários de Góis foi tirada a foto de família com os confrades das seguintes confrarias:

– Federação Portuguesa de Confrarias Gastronómicas
– Confraria Marmelada Odivelas – Confraria Madrinha
– Confraria da Chanfana – Confraria Madrinha
– Confraria Gastronomica do Bucho de Arganil
– Confraria Gastronómica Do Velhote
– Confraria Gastronómica “As Sainhas”
– Confraria Gastronómica da Madeira
– Confraria Gastronómica do Queijo de S. Jorge dos Açores
– Confraria Gastronómica do Cabrito e do Mel da Serra do Ceira
– Confraria do Rabelo
– Confraria do Medronho
– Confraria da Doçaria Conventual de Tentúgal

Seguiu-se uma prova de degustação de enchidos, escolhidos e aprovados pela Confraria dos Enchidos e produzidos pela SEL – Salsicharia Estremocense, Lda, parceira da CGE. Passou-se para um almoço fraterno entre confrades e confrarias e onde o Grão-mestre brindou todos os presentes com os brindes rituais da confraria e ofertando a todos os presentes uma pequena lembrança do concelho de Góis.

No fim da refeição assistiu-se a uma actuação das Sachadeiras da Várzea e este capítulo acabou uma actuação pela Banda Filarmónica de Góis.

image_pdfimage_print